Geral

04/02/2014 10:12

Festival de metal

Zoombie Ritual procura novo palco

Marcus Carvalheiro/Divulgação

Nomes consagrados – do Brasil e do exterior – já passaram pela programação do evento

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Desde 2008 realizado na Fazenda Evaristo, em Rio Negrinho, o Zoombie Ritual deste ano deve ter outra cidade como palco. Segundo o idealizador e organizador do evento, Juliano “Geleia” Ramalho, uma das possibilidades levantadas é utilizar a estrutura do Autódromo Municipal Lourenço Schreiner, em Rio Represo, São Bento do Sul. “A Prefeitura de São Bento se mostrou interessada em levar o evento para lá, dando um apoio que o Zoombie nunca teve em Rio Negrinho”, explica Geleia. Para isso, seriam necessárias algumas reformas no autódromo, com mais chuveiros e banheiros, por exemplo. “Estamos muito felizes por sabermos que existem pessoas que apoiam a ideia e têm interesse em sediar o evento”, complementou.

Geleia conta que, na edição de 2014, mais uma vez, a comunidade headbanger se surpreenderá com as atrações musicais. “Este ano estamos com três grandes bandas, do nível da Kreator, e uma maior ainda”, adiantou o organizador. A banda alemã Kreator, referência mundial de thrash metal, foi a principal atração do Zoombie Ritual de 2013, que reuniu cerca de três mil pessoas nos dias 13, 14 e 15 de dezembro. Geleia destaca que o evento deste ano será caracterizado como “um megaprojeto envolvendo o underground da América do Sul”, sem dar maiores detalhes.

Quem já passou pelo evento

Durante a história do Zoombie Ritual em Rio Negrinho, estiveram na Fazenda Evaristo alguns nomes consagrados, como as brasileiras Korzus, Krisium, Torture Squad, Vulcano, Nervochaos, Violator, Garotos Podres e Ratos de Porão, além das gringas The Force (Paraguai), The Grief (Equador), Vader (Polônia), Dark Funeral (Suécia), Gama Bomb (Irlanda do Norte), Benediction (Inglaterra), Vital Remains, Malevolent Creation e D.R.I. (Estados Unidos), entre outras. O Zoombie Ritual cravou o nome de Rio Negrinho nacionalmente, divulgando o município e a região em um sem-número de reportagens nos mais diferentes meios de comunicação.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.