Geral

22/07/2021 15:01

COMBATE AO CORONAVÍRUS

"Xepa da Vacina": Protocolos evitam desperdício de doses na região

ALEXANDRE CARVALHO / JORNAL A GAZETA

Em São Bento, doses são aplicadas de acordo com agendamentos

Layra Olsen - layra@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Os municípios têm autonomia para definir estratégias a fim de evitar desperdícios de vacinas contra a Covid-19. Isso porque os frascos são multidoses e pode haver sobras perto do horário de fechamento dos pontos de vacinação.

Na maioria dos casos, as doses remanescentes, as chamadas “xepas”, não podem ser reaproveitadas no dia seguinte por conta do prazo de validade, o que fez com que alguns estados abrissem cadastro oficial para aplicação desses resíduos, aproveitando em pessoas até mesmo fora da prioridade. Mas este não é o caso da região.

Em São Bento do Sul, a “xepa da vacina” não é uma realidade, pois as doses são aplicadas por agendamento, levando-se em conta o número de aplicações por embalagem, vencimento e a quantidade de pessoas cadastradas. “Sempre mantemos o agendamento dentro das doses”, garante a enfermeira e coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Cristiane Sestren. Caso seja necessário, havendo constatação de faltas, os profissionais utilizam no final do dia um imunizante de um laboratório com validade maior depois de aberto.

Campo Alegre também raramente apresenta sobras, a ponto de oferecer para a população. De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura, se as técnicas de enfermagem notam que um frasco ainda contêm doses, são chamadas as pessoas que já estão pré-cadastradas para receber a vacina e que residem nas proximidades da unidade de saúde, com disponibilidade de ser vacinado no horário estipulado.

A Prefeitura de Rio Negrinho procede da mesma forma. A assessoria de imprensa garante que é priorizado o tempo e a demanda. Porém, caso tenham doses excedentes, os servidores fazem busca ativa no bairro seguindo a faixa etária da vez. Há, ainda, a possibilidade de encaminhar o imunizante aberto para outro posto para que seja usado na hora, evitando perdas.


Confira mais notícias no jornal impresso. Assine A Gazeta agora mesmo pelo WhatsApp (47) 99727-0414. Custa menos que um cafezinho por dia! ☕

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.