Política

24/07/2020 10:53

LEGISLATIVO

Vereadores comentam sobre tráfego de caminhões no novo binário de São Bento

MATHEUS MÜLLER / JORNAL A GAZETA / ARQUIVO

Esquina entre a Felipe Felipe Schmidt e Barão do Rio Branco foi um dos pontos que levantou a discussão

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Na sessão de ontem à noite, na Câmara de Vereadores, um dos temas abor-dado foi a questão das alterações do trânsito. Especialmente sobre a preocupação quanto a manobras de caminhões na área central, como na esquina das ruas Felipe Schmidt e Barão do Rio Branco, onde agora há mão inglesa e fluxo contrário, existindo o risco de colisões frontais. Fernando Mallon (MDB), que possui escritório próximo, disse já ter presenciado caminhões invadindo a pista contrária.

Para o vereador Marco Redlich (PP), apesar de não ser desejável caminhões circulando na área central, existem empresas grandes instaladas no entorno do binário e por isso estes veículos sempre estiveram presentes no centro da cidade e não há como penalizar as indústrias, que existem há décadas. “Por isso não concordo com quem diga que agora estão jogando os caminhões no Centro, pois eles sempre estiveram”, disse, em resposta a Daguimar Nogueira (PSL).

Alternativas
O presidente Peter Kneubuehler (PP) falou que existem diversas vias que podem ser utilizadas como rotas alternativas para caminhões, fugindo do trânsito central. Para ele, o ideal, claro, seria não ter grandes caminhões circulando pela área central, mas acredita ser possível encontrar meios de amenizar problemas, inclusive com as empresas orientando os motoristas.

Assista

As informações foram publicadas na coluna Panorama Político desta sexta-feira (24).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.