Política

03/02/2020 10:58

JUDICIÁRIO

São-bentense Ricardo Roesler assume como presidente do Tribunal de Justiça

DIVULGAÇÃO

Roesler (na esquerda), comandará o TJ até 20222

Florianópolis

O desembargador são-bentense Ricardo Roesler assumiu sexta-feira (31) a presidência do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. A solenidade foi em Florianópolis, na sede do TJSC, reunindo cerca de 700 pessoas, como o governador Carlos Moisés (PSL). Diversas lideranças de São Bento do Sul marcaram presença, como o prefeito Magno Bollmann (PP) e os vereadores Peter Kneubuehler (PP) e Edimar Salomon (PP). A Banda Treml foi a responsável pela animação do evento.

Durante seu discurso de posse, Roesler fez questão de destacar a presença dos são-bentense e, em especial, da centenária banda e o maestro Francisco Kamienski, pois lembrou de sua infância em São Bento do Sul, onde participava das retretas. Também fez questão de destacar a importância da família, a qual sempre esteve ao seu lado.

Roesler ainda falou sobre o comprometimento que o Judiciário deve ter com a sociedade de Santa Catarina. Destacou o momento de transformação da sociedade, com ações mais ágeis, mais modernas e que garantam mais efetividade às atividades do Judiciário catarinense. “O Tribunal de Justiça de Santa Catarina caminha para o crescimento de sua participação virtual”, disse.

Conforme o desembargador, o Judiciário deve ser protagonista na defesa do Estado Democrático de Direito, mas sem interferir nos demais poderes – Executivo e Legislativo – convocando os demais magistrados a serem peças importantes neste cenário de mudanças e de algumas incertezas. “O magistrado só pode ter dois medos. Ou medo de ter medo, ou medo de faltar com seu dever”, disse. “A nossa vocação é servir à sociedade”, destacou.

Quem é Ricardo Roesler?

Natural de São Bento do Sul, ele começou a carreira como juiz substituto em 25 de maio de 1987. Trabalhou nas comarcas de Joinville, Barra Velha, Sombrio, Jaraguá do Sul e novamente Joinville, onde ficou por 14 anos, de 1993 a 2007. Em novembro de 2007, tornou-se juiz de direito de 2º grau. Assumiu como desembargador em junho de 2012. Foi eleito presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SC) em dezembro de 2017. Antes de ser eleito presidente do TJSC, integrava a 3ª Câmara de Direito Público do Tribunal.

Confira mais informações sobre a posse no jornal impresso desse fim de semana (1 e 2).

Posse contou com a presença da Banda Treml

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.