Segurança

25/05/2020 09:02

INVESTIGAÇÃO

Presos golpistas que clonaram ao menos 10 cartões de crédito em São Bento

DIVULGAÇÃO

Cartões de vítimas foram encontrados pela polícia

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Uma investigação desencadeada pela Polícia Civil de São Bento do Sul resultou na prisão de dois homens, suspeitos de praticarem o chamado golpe do cartão clonado, na cidade e em outras regiões do Estado. Eles foram presos em São Paulo.

Conforme o delegado Lucas Davanso Mendonça, foram constatados pelo menos 10 crimes em São Bento do Sul, praticados por pelo menos três pessoas, que se associaram criminosamente para o cometimento dos golpes.

Durante a investigação, foi apurado que um Gol preto, ano 2017, era usado na empreitada criminosa, para buscar os cartões na residência das vítimas. Os dados foram identificados e as informações compartilhadas com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Na madrugada de sábado (23), por volta de 1 hora, a PRF abordou o veículo na região de Juquiá/SP. Os ocupantes apresentaram nervosismo e, durante a busca no veículo, foram encontradas seis máquinas de cartão de crédito, dentro de bolsas de viagem e do porta luvas, bem como cartões de vítimas.

Os homens confessaram que estavam retornando de atuações criminosas em Santa Catarina, onde sacavam e efetuavam compras em cartões de pessoas idosas obtidos de maneira criminosa, e que as máquinas de cartão lhe foram fornecidas em regime de aluguel, por pessoas próximas da praça da Sé, em São Paulo/SP.

Nas buscas, ainda foram encontrados R$ 5.850 em dinheiro, sendo que boa parte estava escondida dentro dos calçados dos autores.

Ambos foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de Juquiá e autuados pelo crime de estelionato. O veículo relacionado na ocorrência foi apreendido pela Polícia Civil.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.