Geral

15/10/2020 09:17

COMBATE AO CORONAVÍRUS

Planalto Norte continua em risco grave

DIVULGAÇÃO

Planalto Norte e mais 11 regiões continuam em risco grave

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

Região

O Planalto Norte Catarinense segue por mais uma semana na classificação de risco Grave para o novo coronavírus, de acordo com os dados da Matriz de Avaliação de Risco Potencial para Covid-19, atualizado nesta quinta-feira (15) pela manhã. A avaliação feita pelo governo Estadual atende alguns critérios, como evento sentinela (ocorrência da doença, óbitos), transmissibilidade, monitoramento e capacidade de atenção.

Com isso, novas atividades não podem ser liberadas na região, visto que a flexibilização de muitas áreas depende da classificação de risco Alta ou Moderada. Clique aqui e recorde as regras que permanecem em vigor. Atualmente, Santa Catarina contabiliza 12 regiões em Estado grave. As regiões com classificação de risco Alto são Xanxerê, Oeste, Alto Vale do Itajaí e Médio Vale do Itajaí. A Serra Catarinense subiu novamente para o risco grave.

Casos na região

A Prefeitura de São Bento do Sul continua divulgando novos casos de Covid-19, porém num ritmo bem menor. O município contabiliza 699 infectados no total. Destes, 668 se recuperaram e 13 faleceram. Há ainda 18 pessoas em tratamento, sendo que apenas um está sob os cuidados do Hospital e Maternidade Sagrada Família, na enfermaria. Na UTI estão oito pacientes, mas nenhum com suspeita ou confirmação da infecção viral.

Pelo sexto dia seguido, Rio Negrinho não apresentou novos casos de coronavírus. A cidade acumula 542 registros, sendo que 531 estão recuperados e apenas sete permanecem em tratamento. A Prefeitura ainda aguarda o resultado de 23 exames em análise no Lacen.

Campo Alegre também manteve os mesmos números, ou seja, não possui nenhum contaminado no momento. O município tem 167 confirmações. Destes, 162 se recuperaram e cinco foram a óbito.

Fora fora do Planalto Norte Catarinense, mas ainda na região, Piên possui 76 casos de Covid-19, dos quais 70 se recuperaram e três continuam em acompanhamento. No feriado, uma mulher de 96 anos acabou falecendo em decorrência da patologia. Alguns familiares da vítima também estão com Covid-19.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.