Geral

19/12/2016 14:24

DESPEDIDA

Multidão dá adeus ao prefeito eleito de Piên, Loir Dreveck, e pede justiça

Alexandre Carvalho / Jornal A Gazeta

Corpo de Loir passou pelas ruas centrais no caminhão da Defesa Civil

Alexandre Carvalho - alexandre@gazetasbs.com.br

Piên

Foi intensa a movimentação em Piên, neste domingo (18), durante o velório do prefeito eleito Loir Dreveck (PMDB). Ele não resistiu aos ferimentos causados por dois disparos que atingiram sua cabeça e faleceu no sábado (17). O atentado contra ele ocorreu na quarta-feira (14) pela manhã e, desde então, ele lutava pela vida.

O corpo do prefeito eleito foi velado no salão paroquial da antiga igreja matriz, onde políticos de diversas cidades da região estiveram presentes, além de centenas de pessoas da própria comunidade, que chegaram a formar fila para se despedir.

O pároco local, Thiago Zella Hoffmann, celebrou uma missa de corpo presente que lotou o santuário Nossa Senhora das Graças. Em seguida, o corpo seguiu em um caminhão da Defesa Civil para o funeral no cemitério municipal, em um cortejo acompanhado por uma multidão. Amigos parentes e cidadãos lotaram as dependências do cemitério, dedicaram uma salva de palmas ao prefeito eleito e gritaram “justiça”.

Luto oficial
O prefeito de Piên, Gilberto Dranka (PSD), decretou ainda no sábado luto oficial de cinco dias na cidade. Apesar disso, a Prefeitura irá atender normalmente hoje para que o andamento das obras não seja prejudicado.

Muito abalado, o vice-prefeito eleito, Livino Tureck, também do PMDB, informou que está refletindo sobre a situação e ainda não sabe se irá assumir a Prefeitura ou renunciar ao cargo. Caso ele renuncie, uma nova eleição terá que ser convocada em Piên.

Enquanto isso, seguem as diligências para tentar descobrir o autor do crime. Porém, para não atrapalhar as investigações, nenhuma informação foi repassada pelas autoridades policiais. Uma das possibilidades é que a morte de um homem na última semana, na mesma rodovia, pode ter sido por engano.

 

No jornal impresso desta segunda-feira (19) há mais detalhes do caso.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.