Política

16/10/2019 07:41

JULGAMENTO

Márcio Dreveck pode ser reconduzido ao cargo de vice-prefeito em São Bento

Arquivo / Jornal A Gazeta

Dreveck está afastado do cargo desde o início das audiências, em setembro

Alexandre Carvalho - alexandre@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

O vice-prefeito Márcio Dreveck (PP) e o ex-secretário de Obras Paulo Zwiefka (PSB) podem ter a qualquer momento suas medidas cautelares revogadas pela juíza Giovana Caron Machado. Durante as audiências de segunda-feira (14), seus advogados fizeram o pedido para que Dreveck seja reconduzido ao cargo, já que está afastado cautelarmente. No caso de Zwiefka, ele poderia voltara a assumir a Secretaria de Obras. Num primeiro momento, a magistrada não atendeu ao pedido.

A alegação dos defensores é que pelo fato das audiências terem chegado ao fim, não haveria mais risco de interferência no processo. No caso do vice-prefeito, a juíza concedeu prazo de cinco dias, a contar de terça-feira (15), para que a defesa apresente comprovação da exoneração de Francisco dos Santos, que é uma das testemunhas que se disse coagida pelo vice-prefeito, o que resultou na sua prisão. Santos, inclusive, foi quem filmou a entrega do dinheiro a Dreveck.

Conforme apurado por A Gazeta, os documentos já foram encaminhados para a magistrada, desta forma, a expectativa é que qualquer momento alguma decisão quanto à revogação das medidas possa ser proferida. Apesar da expectativa, há quem acredite que este anúncio só venha a ser feito juntamente com a sentença, o que ainda não tem data prevista.

Veja mais detalhes sobre a audiência no jornal impresso desta quarta-feira (16).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.