Política

20/09/2021 15:12

COMBATE AO CORONAVÍRUS

Implantação do "passaporte da vacina" será discutido em São Bento do Sul

ARQUIVO / JORNAL A GAZETA

Prefeitura vai discutir a questão, mas ainda sem data para isso

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Já instituído em alguns pontos do País – e prestes a ser implantado em outros –, o passaporte da vacina, de acordo com a assessoria da Prefeitura de São Bento do Sul, será incluído na pauta de assuntos da reunião do Comitê de Crise, ainda sem data definida. O passaporte nada mais é do que um comprovante de que a pessoa foi imunizada, parcial ou totalmente, contra a Covid-19.

Sem este documento, não é possível entrar em locais de uso coletivo ou participar de determinados eventos e estabelecimentos. No Rio de Janeiro, sem o passaporte nem mesmo cirurgias eletivas (não urgentes) são liberadas. Em São Paulo, sem comprovar a vacinação, a pessoa não entra em shows, congressos e jogos. No Amazonas, não é permitido sequer o acesso a bares, restaurantes, feiras, mercados, hotéis e pousadas sem o documento.


Confira mais notícias no jornal impresso. Assine A Gazeta agora mesmo pelo WhatsApp (47) 99727-0414. Custa menos que um cafezinho por dia! ☕

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.