Geral

22/02/2021 11:07

TRÂNSITO

Google Maps desvia carros para dentro de Fragosos em viagens sentido a Curitiba

ALEXANDRE CARVALHO / JORNAL A GAZETA

Ponte já foi danificada várias vezes e agora tem limitador de altura para evitar passagem de caminhões

Alexandre Carvalho - alexandre@gazetasbs.com.br

Campo Alegre

Motoristas de caminhões e veículos de passeio que não conhecem a região estão sendo direcionados pelo Google Maps para dentro de Fragosos, quando viajam sentido a Curitiba. Eles entram no distrito e passam pela antiga ponte de madeira, que inclusive já foi danificada várias vezes em virtude da passagem de caminhões. O GPS indica que os motoristas saiam da rodovia SC-418 e desviem o Posto Fiscal pela ponte velha.

O assunto foi tratado na sessão da Câmara de Vereadores de Campo Alegre, na última semana, pelos vereadores Vilmar Grosskopf (MDB) e Fernando Wotroba (PP), que residem em Fragosos.

O que dizem os vereadores

Durante a Palavra Livre, Vilmar pediu o encaminhamento de um ofício para a coordenadoria do Deinfra da região, para que seja informado o fato. “Isso ocorre também por falta de sinalização no trevo de Fragosos, na rodovia SC-418. Muitos carros, caminhões e inclusive carretas estão sendo desviados por dentro de Fragosos e constantemente vemos carretas manobrando dentro do bairro. Seria importante que o pessoal do Deinfra reveja essa situação”, disse.

Já Wotroba (PP) comentou que já levou a demanda para a prefeita Alice Grosskopf (MDB). Conforme ele, o chefe de gabinete, Jeison Ossovski, entrou em contato com o Google Maps, alertando o problema, e a empresa pediu um prazo de 30 dias para se manifestar. “Até minha sugestão, como um plano B, caso não surta nenhum efeito este contato, é que seja colocado uma placa no trevo de Fragosos, indicando que para ir para Curitiba, os motoristas sigam em frente”, sugeriu.

Confira mais notícias no jornal impresso desta segunda-feira (22). Assine A Gazeta agora mesmo pelo WhatsApp (47) 99727-0414, por apenas R$ 33,00 mensais.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.