Geral

21/07/2021 09:51

ATENÇÃO

Golpe do boleto já causa prejuízo milionário em São Bento do Sul

DIVULGAÇÃO

Agências bancárias do município estão sendo visitadas para alertar sobre o golpe

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Estima-se que anualmente o golpe do falso boleto cause prejuízos na ordem de R$ 1,8 bilhão em todo o Brasil, de acordo com o Procon de São Bento do Sul. Apenas em São Bento do Sul, segundo o órgão, a cifra deve ultrapassar R$ 1 milhão. Buscando orientar bancos e instituições financeiras, o diretor Alisson Ricardo do Prado e a fiscal Tarcila Campos iniciaram visitas a agências locais.

O primeiro local que recebeu os representantes do órgão de defesa do consumidor foi a Caixa Econômica Federal do Centro. O objetivo, claro, é evitar novas ocorrências. Participaram da reunião todos os funcionários da agência, da vigilância à superintendência.

“O golpe do boleto falso costuma ser aplicado com frequência, normalmente quando o consumidor faz compras pela internet ou deseja liquidar antecipadamente ou quitar os débitos de financiamentos em atraso. Normalmente os consumidores acabam recebendo os boletos pelo WhatsApp, momento em que o golpista se passa por um representante da loja ou da financeira, e exige que o boleto falso seja pago o mais depressa possível, caso contrário, o consumidor perde o desconto”, ressaltou Alisson.

Aos funcionários da Caixa, Alisson e Tarcila pediram que seja feita a conferência do nome do beneficiário do boleto antes da efetivação do pagamento – caso o nome do beneficiário não confira com o nome disponível do boleto, a informação pode auxiliar na identificação do golpe.

Os superiores do banco destacaram que vão aumentar a atenção para auxiliar a diminuir ou solucionar da maneira mais rápida a demanda. Eles inclusive se dispuseram a acionar a Polícia Federal para descobrir quem são os golpistas, em sua maioria formada por quadrilhas especializadas, as quais estão agindo em todo o País.


Confira mais notícias no jornal impresso. Assine A Gazeta agora mesmo pelo WhatsApp (47) 99727-0414. Custa menos que um cafezinho por dia! ☕

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.