Política

15/09/2020 09:31

ELEIÇÕES 2020

Gilberto Dranka é confirmado como candidato a prefeito de Piên

JORNAL O REPÓRTER / DIVULGAÇÃO

Pedro Zanqueta, deputado estadual Anibelinho e Gilberto Dranka

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

Piên

O ex-prefeito Gilberto Dranka (PSL) é novamente candidato a prefeito da Piên, agora pelo PSL. A confirmação saiu na manhã desta terça-feira (15), após convenção realizada em sua própria casa, inclusive com a presença de outros oito partidos. O candidato a vice-prefeito é o atual vice, Pedro Zanqueta (Pros). 

Após as convenções realizadas na noite de segunda-feira (14), mais de 70 candidatos a vereadores tiveram seus nomes homologados, todos apoiando a candidatura de Dranka. A coligação foi definida como "Piên, Experiência e Trabalho", e terá participação do PSL, Pros, DEM, MDB, PDT, PTB, PRTB, Solidariedade e PP

Esta será a primeira vez de um candidato a prefeito com tornozeleira eletrônica na história da região metropolitana de Curitiba. A polêmica da volta de Gilberto Dranka à política fica por conta da investigação da polícia do Paraná, que o aponta como um dos mandantes do assassinato do prefeito eleito em 2016, Loir Dreveck.

Dranka inclusive chegou a ficar preso por um ano e está em liberdade provisória. As imagens do ex-prefeito sendo preso foram divulgadas em todo o Brasil, quando policiais o encontraram escondido no sótão de sua residência. Além de Loir, Gilberto é acusado pela morte de Genésio de Almeida, assassinado alguns dias antes por engano, por ter fisionomia semelhante à de Loir.

Na cidade muito se fala que Dranka teria interesse em voltar para a política e ser eleito prefeito para ter direito ao foro privilegiado do cargo, já que poderá ser submetido ao tribunal do júri a qualquer momento. Como ainda não foi condenado pelo crime, ele não se enquadra na Lei da Ficha Limpa.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.