Geral

08/05/2019 10:00

RECLAMAÇÕES

Fundação diz que alagamentos não são causados pelo tanque da Promosul

Divulgação

Críticas sobre vazamento do tanque em dia de chuva são constantes

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br
São Bento do Sul

Com alguma frequência leitores reclamam de alagamentos que, segundo eles, são ocasionados pelo tanque da Promosul, no bairro Brasília. Os casos são registrados nas laterais da Travessa Francisco Soehtje, via que fica em frente ao pavilhão de eventos. As críticas já foram registradas várias vezes por A Gazeta, que publicou diferentes matérias nos últimos anos, sobretudo depois de chuvas mais fortes.

O presidente da Promosul, Osmar Mühlbauer, diz entender e se sensibilizar com a situação pela qual passam os moradores. Porém, conforme ele, o tanque não é o causador dos problemas. "Pelo contrário, pois o tanque serve como uma espécie de reservatório, retendo uma parte das águas", registra, referindo-se às chuvas mais intensas.

Segundo Osmar, existe um córrego nos arredores, o qual passa pela área externa da Promosul e prossegue até os locais que abrigam as residências, cujos proprietários já sofreram inúmeros prejuízos e transtornos. "Esse córrego pega praticamente toda a água que vai se acumulando ao longo do vale", comenta o presidente da fundação. "Ou seja, o tanque não é o causador do problema", reafirma.

Ele destaca que já foi cogitada a possibilidade de se aterrar o tanque. "Mas, daí, haveria mais alagamentos ainda", expõe. Osmar explica, ainda, que havia um receio de que o tanque poderia se romper, mas que, após averiguação da Defesa Civil e a realização de estudos de engenharia, o risco foi afastado. "Não há essa possibilidade", aponta.

Confira mais detalhes sobre o caso no jornal impresso desta quarta-feira (8).

Comentários

Não há comentários sobre esta matéria. Deixe seu comentário

+ sobre Geral

Leia mais...

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

A Gazeta - Rua Mal. Floriano, 22 - Centro - São Bento do Sul/SC - Telefone (47) 3203-0022