Política

23/10/2020 08:23

LEGISLATIVO

Denúncia contra dois vereadores pode resultar em investigação e cassação

DIVULGAÇÃO

Marco Redlich (PP) e Peter Kneubuehler (PP) ainda não se manifestaram sobre o caso

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Na sessão de quinta-feira (22) na Câmara foi lida denúncia protocolada contra os vereadores Marco Redlich (PP) e Peter Kneubuehler (PP), a qual pede a cassação de mandato de ambos por conta de supostos recebimentos de valores repassados por parte do diretório municipal do partido para que suplentes assumissem.

Como a denúncia foi lida quinta, agora na segunda-feira (26) os vereadores vão votar se aceitam ou não a abertura de um processo de investigação para o caso. Para a abertura da comissão, é necessário maioria simples, ou seja, seis votos. Neste caso, o presidente também vota. Caso não seja aprovado, o caso é automaticamente arquivado.

Em sendo aceita a denúncia, a Câmara terá que formar uma comissão com três vereadores para analisar o caso. Após isso, em até 30 dias o processo deve retornar para plenário para votação do parecer que pode pedir arquivamento ou não do caso, que pode constar até mesmo o pedido de perda do mandato dos vereadores. Mas, para isso ocorrer, é necessária maioria absoluta de votos, ou 2/3. O que totalizaria sete votos.

As informações foram publicadas na coluna Panorama Político desta sexta-feira (23).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.