Geral

26/09/2020 13:10

COMBATE AO CORONAVÍRUS

Coletivos Rainha explica imagem de ônibus lotado em São Bento do Sul

DIVULGAÇÃO

Conforme decreto, a taxa de ocupação é de 60% da capacidade total

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Leitora mandou registro de um ônibus cheio levando trabalhadores de uma indústria ao local. "Não trabalho lá, mas conheço pessoas que utilizam o serviço. E agora estão entrando funcionários novos e a lotação está só aumentando. Tem gente até na escada", relatou.

Em nota, a Coletivos Rainha disse que monitora diariamente a ocupação das linhas do sistema. "Informamos ainda que é medida a capacidade total autorizada do veículo, e não o número de pessoas em pé, o que tem causado interpretações equivocadas. A empresa está à disposição em seus canais de contato para receber informações, contribuições e reclamações", diz o comunicado.

As regras

Para segurança dos profissionais que atuam na Coletivos Rainha e, consequentemente dos usuários do transporte coletivo, diversas regras passam a ser seguidas. Os motoristas e agentes de passagem utilizam máscaras e face shield, ficam em cabine de isolamento e utilizam frascos individuais de álcool em gel. Todos os funcionários da empresa têm suas temperaturas testadas diariamente, antes do início da jornada de trabalho. A taxa de ocupação é de 60%, há obrigatoriedade de uso de máscara também por passageiros, além do cumprimento das regras de higienização, como uso de álcool em gel no embarque e desembarque.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.