Segurança

15/09/2020 10:58

SETEMBRO AMARELO

Bombeiros evitam suicídio em São Bento

DIVULGAÇÃO

Atendimento da corporação reforça as ações de prevenção contra o suicídio

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Uma equipe de plantão do Corpo de Bombeiros Militar de São Bento do Sul evitou a morte de um morador na noite de domingo, justamente neste mês em que várias ações estão voltadas à preservação da vida, por conta do Setembro Amarelo. Os socorristas foram chamados por volta das 18h40 e encontraram um homem de 50 anos muito abalado, disposto a tirar a própria vida no dia do seu aniversário.

Após algum tempo de conversa, identificando fatores de proteção explorados, além da técnica de reflexão positiva, os bombeiros conseguiram reverter a situação, conquistando a confiança do homem. A convite dele mesmo, os soldados Januário e Igor foram convidados a entrar na residência para comer o bolo de aniversário dele.

Com esta aproximação, os bombeiros convenceram o homem a ir até o Hospital e Maternidade Sagrada Família em busca de suporte médico. Além dos soldados Januário e Igor, também estiveram na ocorrência os bombeiros comunitários Prazmoski e Ruginsky, além de uma equipe da Polícia Militar para apoio, caso fosse necessário.

Prevenção
No Brasil são cerca de 12 mil suicídios por ano e mais de 1 milhão no mundo. Em Santa Catarina, apenas em 2020, já foram registradas até o dia 31 de agosto 2.678 tentativas de suicídio, a maioria realizada por mulheres na faixa de 20 a 29 anos. Além disso, foram 404 mortes até o dia 02 de setembro, principalmente de homens.

Com o intuito de preservar mais vidas, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina está engajado no Setembro Amarelo e promoverá, na quinta-feira (17), às 19h30, uma conversa transmitida ao vivo pelo canal do Youtube da corporação, trazendo informações sobre o tema. Clique aqui para se inscrever no canal. Dois militares, formados em psicologia, além de uma psicóloga, trarão informações sobre cuidados e formas de prevenção.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.