Segurança

18/09/2020 11:58

SETEMBRO AMARELO

Bombeiros conseguem evitar mais uma tentativa de suicídio em São Bento

ALEXANDRE CARVALHO / JORNAL A GAZETA / ARQUIVO

Foi a segunda vez nesta semana que bombeiros evitaram o pior

Da redação - editoria@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Mais uma vez a ação dos bombeiros ajudou a evitar um suicídio, justamente no mês de conscientização quanto ao tema, pelo Setembro Amarelo. Na quarta-feira (16), às 22h57, um homem desesperado, dizendo que queria tirar sua própria vida, ligou para a Central de Emergência do Corpo de Bombeiros. Na ligação, ele disse para o atendente que estava na Rua Antônio Kaesemodel, próximo à Renault, onde queria se enforcar na grade de um estabelecimento, utilizando o cadarço de seu tênis.

Imediatamente uma ambulância deixou o quartel e um bombeiro foi chamado para assumir a ligação. Pela experiência em situações parecidas, através de palavras de conforto e empatia, ele conseguiu combinar um ponto de encontro onde os socorristas pudessem prestar o atendimento necessário.

No momento em que a ambulância chegou no local combinado, o homem estava desconfiado. Mesmo sem saberem se ele estava com alguma arma de fogo ou até mesmo objeto cortante, os bombeiros continuaram o atendimento.

Dificuldades financeiras

O homem disse ser engenheiro, natural de Minas Gerais, e que atualmente estava desempregado, ganhando apenas R$ 1.045 do Governo Federal. Ele relatou que estava alimentando seu filho com farinha e leite, pois não tinha mais comida. Após uma longa conversa, o homem se propôs a buscar ajuda para superar a crise.

Ele foi levado ao Hospital Sagrada Família, onde já se encontrava uma assistente social, a qual ficou responsável pelo apoio. No momento em que adentrou a ambulância, o engenheiro fez questão de agradecer aos Bombeiros pelo atendimento prestado, salvando sua vida. 

Busque por apoio

Às vezes, quando as pessoas pensam em suicídio, na verdade pensam em fugir de um sofrimento. Mesmo que essa situação represente o “nada” para elas. O “nada” muitas vezes é sentido como preferível ao intenso sofrimento. Em qualquer sinal de suicídio, chame ajuda psicológica pelo Núcleo de Apoio à Vida de São Bento do Sul, por meio do WhatsApp 99258-1965. O apoio também pode ser procurado gratuitamente pelo número 188, do Centro de Valorização da Vida (CVV).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.