Geral

18/11/2020 15:33

DIREITOS DO CONSUMIDOR

Black Friday exige atenção desde já com promoções online para evitar golpes

ARQUIVO / JORNAL A GAZETA

Uma das dicas é anotar o preço dos produtos para comparar depois

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Faltam poucos dias para a já tradicional Black Friday – 27 de novembro –, a data mais esperada para quem quer ofertas e descontos, mas, desde já, o Procon de São Bento do Sul pede atenção aos consumidores. A diretora do órgão, Harriet Hackbarth, comenta que as pessoas devem ficar atentas aos preços praticados agora. “Assim, pode-se ficar informado sobre os valores praticados no mercado, para verificar, na época da Black Friday, se a promoção efetivamente vale a pena financeiramente”, relata.

Com relação às compras em lojas virtuais, é importante pesquisar se a loja é idônea, verificando, por exemplo, se a entrega dos produtos ocorre efetivamente. Se o pagamento for feito via boleto, Harriet lembra que deve ser verificado se o nome do beneficiário e o CNPJ que aparecem no momento do pagamento realmente correspondem aos dados da loja. “Nesse sentido, o pagamento por aplicativo e caixa eletrônico é interessante, pois, antes de confirmar o pagamento, pode-se fazer tal conferência, diferentemente do que ocorre ao pagar boleto em lotéricas, por exemplo”, ressalta.

“O consumidor deve ficar atento a promoções nas redes sociais, tais como Facebook e Instagram, pois pode ser promoção fake (falsa), que acaba direcionando a um site muito similar ao da loja original. Porém, o consumidor vai comprar um produto, pagar e nunca receber o produto”, alerta a diretora do Procon municipal. Neste caso, uma recomendação preventiva é comparar o anúncio da rede social com o produto disponibilizado no site da loja, verificando se o produto realmente existe e se de fato está na promoção.

Confira mais algumas dicas do Procon no jornal impresso desta quarta-feira (18).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.