Geral

19/06/2019 09:48

APENAS ESTACAS

Após ordem de serviço, penitenciária está praticamente na mesma situação

Elvis Lozeiko/ A Gazeta

Governador autorizou as obras em 22 de maio, mas pouco mudou desde então

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br
São Bento do Sul

Faz quase um mês que o governador Carlos Moisés da Silva assinou a ordem de serviço, ou seja, o documento que autoriza o início das obras da Penitenciária Industrial de São Bento do Sul. Desde aquele 22 de maio, porém, não há praticamente nada de novo no terreno localizado às margens da BR-280, no bairro Lençol. A exceção é a implantação de algumas estacas e da instalação da caixa padrão de ligação de água – esta a cargo do Samae.

A penitenciária terá 10 mil metros quadrados de área construída, para 364 vagas. Com investimento de R$ 23,222 milhões, será edificada pela empresa Salver Construtora e Incorporadora, de Ituporanga. O prazo estabelecido para conclusão das obras é de 20 meses, ou seja, até janeiro de 2021. 

A Gazeta contatou a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (SJC) de Santa Catarina, ontem, questionando por que as obras ainda não iniciaram, mas não obteve retorno.

Confira mais informações no jornal impresso desta quarta-feira (19). 

Comentários

Deveriam construir casas populares nesse local!
Tarcisio 01/07/2019 08:57
 
Deixe seu comentário

+ sobre Geral

Leia mais...

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

A Gazeta - Rua Mal. Floriano, 22 - Centro - São Bento do Sul/SC - Telefone (47) 3203-0022