Geral

27/03/2020 18:13

CORONAVÍRUS

“A maioria de nós será infectado. Isso é inevitável”, avisa Carlos Moisés

Reprodução

Número de casos foi atualizado no final da tarde desta sexta-feira

Marcello Miranda - editoria@gazetasbs.com.br

Estadual

“A maioria de nós será infectado. Isso é inevitável”. Assim o governador Carlos Moisés começou a entrevista coletiva desta sexta-feira (27), falando sobre a situação do coronavírus em Santa Catarina. A lista atualizada tem 163 casos confirmados no Estado, sendo uma morte.

Moisés também falou que a partir dos próximos dias, com a reabertura da atividade econômica, mais casos vão surgir, e o objetivo das ações de restrição do convívio que está em seu 10º dia tinha justamente com objetivo frear o crescimento da curva de contaminação. Com isso, deu mais tempo para o governo se preparar com leitos de UTI e equipamentos como respiradores artificiais para atender aos pacientes doentes.

O governador ainda lembrou que nenhum país do mundo conseguiu se preparar e se precaver para garantir atendimento a toda população. “Infelizmente é algo que vai chegar. Mais óbitos vão ocorrer”, afirmou. “Se entrarmos em colapso no início, mais difícil será proteger as pessoas”, completou, reforçando a importância das medidas duras já adotadas em Santa Catarina.

De acordo com Moisés, a ordem de isolamento social permanece e a população já entendeu serem necessárias mudanças de comportamento para evitar a disseminação do vírus. “Pessoas vão morrer, e isso é inevitável”, lamentou.

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.