Geral

11/01/2019 09:35

LIXÔMETRO

15 mil toneladas de lixo enviadas para aterro de São Bento em 2018

Arquivo / A Gazeta

Samae é responsável pela coleta de lixo no município

Elvis Lozeiko - elvis@gazetasbs.com.br

São Bento do Sul

Em dois anos, quase 30 mil toneladas de lixo chegaram ao aterro sanitário de São Bento do Sul, no bairro Rio Vermelho Povoado. Para ser mais exato, 29,99 mil toneladas, conforme registros do "Lixômetro" do Samae, responsável pelos resíduos sólidos no município. Nos últimos oito anos, o total de lixo produzido no município tem ficado na casa das 14 ou 15 mil toneladas anualmente, com exceção de 2010, quando foram 13,6 mil toneladas.

O Samae de São Bento do Sul trabalha, já há algum tempo, com um projeto para expandir o aterro sanitário. De acordo com o presidente da autarquia, Fridolino Den Boom, a célula atual, inaugurada em julho de 2010, tem mais dois anos de vida útil. A autarquia, porém, vai ampliá-la, e o período de vida útil vai passar para dois anos e oito meses, conforme Fridolino.

Por mês, nos últimos dois anos

Veja mais informações sobre o aterro sanitário no jornal impresso desta sexta-feira (11).

Todos os direitos reservados para A Gazeta. Reprodução sem autorização é proibida.

Ajude-nos a manter um jornalismo sério e com credibilidade. Textos e fotos estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Se quiser repassar a notícia, compartilhe o link.