Aqui na região, não há desabastecimento de nenhum produto nas prateleiras dos supermercados. A exceção fica por conta do álcool em gel e das máscaras, as quais não são encontradas nem mesmo nas farmácias. Em algumas redes farmacêuticas, o aviso está claro já na entrada e nas paredes, devido ao grande pedido dos clientes.
Fechar